Paraíba

João Pessoa vacina pessoas com mais de 40 anos nesta sexta-feira

Foto: Secom/JP

A vacinação contra a Covid-19 para pessoas a partir dos 40 anos sem comorbidade será retomada nesta sexta-feira (9), na capital paraibana. A campanha operacionalizada pela Prefeitura acontece em cinco ginásios e três pontos drive-thru – Santuário Mãe Rainha (Bessa), Mangabeira Shopping e Unipê (Água Fria). A aplicação da primeira dose para grávidas e puérperas será na Policlínica das Praias. Todo o atendimento será das 8h ao meio-dia. 

Já a aplicação da segunda dose também ocorre das 8h às 12h. Para quem completou 28 dias da Coronavac acontece no Lyceu Paraibano (Centro), enquanto a dose complementar para quem completou 90 dias da Astrazeneca será em mais três pontos de vacinação.

Agendamento – A Secretaria Municipal de Saúde alerta que as pessoas deverão realizar o agendamento prévio, através do aplicativo Vacina João Pessoa ou do site vacina.joaopessoa.pb.gov.br. A abertura do agendamento ocorre sempre no horário das 19h anterior ao dia da vacinação. Com isso, o cidadão assegura ser vacinado no local indicado, com agilidade e todos os cuidados sanitários necessários.
Quem tiver algum problema para realizar o cadastro ou agendar o atendimento pode procurar um posto de vacinação para ter a orientação necessária para garantir sua dose.

Documentação – Para receber a vacina é necessário apresentar documento oficial com foto, Cartão SUS, CPF e comprovante de residência em João Pessoa. Quem for tomar a segunda dose precisa levar apenas o cartão de vacinação e documento com foto.
As grávidas e puérperas precisam da cópia de laudo ou declaração médica que comprove a sua condição e a prescrição do médico de que pode tomar a vacina. Confira a lista de comorbidades (midi.as/comorbidades).

Pontos de vacinação desta sexta-feira (8)
PRIMEIRA DOSE
Pessoas com 40 anos ou mais
Ginásios (8h às 12h)
– ECIT Papa Paulo VI (Cruz das Armas)
– Escola Municipal Francisco da Nóbrega (Cristo Redentor)
– Centro Cultural Tenente Lucena (Mangabeira)
– IFPB (Jaguaribe)
– Escola Municipal Leonel Brizola (Tambauzinho)
Drive thru (8h às 12h)
-Santuário Mãe Rainha (Aeroclube)
-Mangabeira Shopping (também pedestre)
– Unipê (Água Fria)
Grávida e puérperas – 1ª dose (8h às 12h)
– Policlínica das Praias
SEGUNDA DOSE
Astrazeneca/Fiocruz (8h às 12h) – para quem completou 90 dias da 1ª dose
-Escola Municipal Seráfico da Nóbrega (Tambaú)
– FIEP – ao lado do Pavilhão do Chá (Trincheiras)
– Escola Municipal Olivio Ribeiro Campos (Bancários)
Drive thru
– UFPB – acesso pelo HU (Castelo Branco)
Coronavac/Butantan (8h às 12h) – para quem completou 28 dias da 1ª dose
– Lyceu Paraibano (Centro)

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Brasil

Cícero e ministro da Saúde discutem vacinação de jovens de 12 a 17 anos

Foto: Secom/JP

O prefeito de João Pessoa, Cícero Lucena (Progressistas), se encontrou nesta quinta-feira (8) com o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, durante encontro com a comitiva da Frente Nacional de Prefeitos. O gestor discutiu com Queiroga a vacinação de jovens com idades entre 12 e 17 anos.

Em suas redes sociais o prefeito escreveu:

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Paraíba

Bruno Cunha Lima pede ao Governador que esqueça eleições e ajude Campina Grande

Foto: Secom PB

Durante encontro que aconteceu na manhã de hoje no Palácio do Governador, o prefeito de Campina Grande, Bruno Cunha Lima (PSD), pediu que o governador João Azevêdo (Cidadania) esquecesse a questão eleitoral e ajude a Rainha da Borborema na área da saúde.

Bruno afirmou que continua sendo oposição, mas que o momento é de esquecer eleição e política para priorizar o que seja melhor para a cidade.

De acordo com informações recebidas pelo Blog do BG, o prefeito pediu parcerias com o governo do estado e João Azevêdo irá atender às demandas.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Paraíba

SUCUPIRA PERDE – VÍDEO: Homem anda NU e com faca pelas ruas de João Pessoa

Na manhã de hoje um homem foi flagrado andando nu e com uma faca na mão por uma das principais avenidas da cidade de João Pessoa.

A Polícia Militar foi chamada até o local por moradores. Ainda não há informações se ele teve algum tipo de surto ou estava de boa consciência.

Veja os vídeos:

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Paraíba

Paraíba recebe 43 mil doses de vacinas contra a covid-19 nesta quinta-feira

Foto: Dado Ruvic/Reuters

A Paraíba receberá nesta quinta-feira (8), 43.020 doses de vacinas contra a covid-19, de acordo com informações do secretário de Saúde do Estado, Geraldo Medeiros.

A remessa terá 30.420 doses da vacina da Pfizer e 12.600 doses da Coronavac. Ambas devem ser usadas para aplicação de primeira dose e serão distribuídas para os municípios a partir das 7h desta sexta-feira (9).

De acordo com a Secretaria de Saúde, algumas doses da vacina AstraZeneca, que estavam reservadas na Rede de Frio estadual para aplicação de segunda dose, também serão distribuídas para completar o esquema vacinal de quem tomou a primeira dose deste fabricante há três meses.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Paraíba

MEDIDA RÍGIDA: Quem agendar vacinação e não comparecer terá CPF bloqueado

Foto: Secom/JP

A Prefeitura Municipal de João Pessoa, por meio da Secretaria de Saúde, vai bloquear o CPF das pessoas que fizerem o agendamento para tomar a vacina contra covid-19 e não comparecerem. Com isso, o proprietário do documento CPF até poderá agendar futuramente, mas será imunizado com a mesma vacina que estava prevista no dia do primeiro agendamento.

De acordo com o secretário Fábio Rocha, a medida pode ser adotada para evitar que a população queira escolher o imunizante que quer tomar. “Essa é uma atitude inconveniente, egoísta e impensada. Todas as vacinas são eficazes e não estamos em tempos de escolher”, disse.

O secretário esclareceu ainda que a Saúde poderá aceitar um novo agendamento de quem não compareceu para aplicação da vacina, mas apenas com uma comprovação de que não pode estar presente. “Essa pessoa deve apresentar um atestado ou qualquer outro documento que mostre a real impossibilidade de ter comparecido para ser imunizado”, explicou.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Paraíba

Secretário confirma retomada das cirurgias eletivas na Paraíba a partir de agosto

Foto: assessoria

As cirurgias eletivas vão voltar a partir de 1° de agosto. A informação foi confirmada pelo secretário de Estado da Saúde, Geraldo Medeiros, durante entrevista a TV Arapuan, nesta quinta-feira (8). Segundo o titular da pasta, existe um cronograma estabelecido através do programa ‘Opera Paraíba’ com a finalidade diminuir a fila de espera por cirurgias no estado.

As cirurgias estavam suspensas desde o inicio da pandemia.

O cadastro destes pacientes na fila de espera é realizado pelos gestores municipais por meio de uma plataforma específica, na qual os eles informam os dados do tipo de procedimento a ser realizado.

O programa Opera Paraíba visa atender aos pacientes que esperam na lista de cirurgias, contemplando 36 tipos de procedimentos nas especialidades de ortopedia, oftalmologia, otorrinolaringologia, ginecologia, proctologia e cirurgia geral. Em 2020, mesmo com a pandemia do novo coronavírus, o programa realizou 6.468 cirurgias, sendo 2.904 de catarata.

Blog do BG com Paraíba.com

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Paraíba

VÍDEO: Bingo é fechado no centro de João Pessoa

Após denúncias, a polícia desarticulou na tarde desta quarta-feira (7) um bingo clandestino no centro da cidade de João Pessoa.

Segundo a polícia, a Loteria do Estado da Paraíba (Lotep) já vinha recebendo denúncias do local que funcionava ao lado de um banco na Praça 1817.

No momento em que a polícia chegou ao local foram encontradas cerca de 50 pessoas fazendo o uso dos jogos clandestinos.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Paraíba

Imunização contra influenza segue acontecendo no Busto de Tamandaré nesta quinta-feira

Foto: Divulgação

A Prefeitura de João Pessoa segue, nesta quinta-feira (8), com a ação de vacinação contra a Influenza para pessoas que compõem os grupos prioritários no Busto de Tamandaré – das 6h às 10h.  A ação faz parte da terceira etapa da campanha de imunização realizada pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS) até a próxima sexta-feira (9).

A vacinação no Busto de Tamandaré, num posto localizado no quiosque Cabo Branco, visa alcançar mais pessoas e, ao mesmo tempo, conscientizar quem está dentro de algum dos grupos prioritários e ainda não se imunizou contra a Influenza. Nesta quarta-feira (7), em seu primeiro dia, a ação vacinou 300 pessoas.

“É um local com bom fluxo de pessoas e de muita visibilidade, que a gente aproveita para a vacinação e fazer o chamamento para a campanha”, disse Fernando Virgolino, chefe da Seção de Imunização de João Pessoa. “No próximo sábado (9), vamos fazer o dia D da campanha e, na segunda-feira (12), será aberta para a população em geral”, continuou.

Público terceira etapa – Na etapa atual devem se vacinar gestantes, puérperas e crianças de seis meses a menores de 5 anos, 11 meses e 29 dias; trabalhadores de saúde que atuam na rede hospitalar e especializada; professores; idosos a partir de 60 anos; pessoas com comorbidades; pessoas com deficiência permanente; caminhoneiros; trabalhadores de transporte coletivo rodoviário de passageiros urbano e de longo curso; trabalhadores portuários; profissionais das Forças de Segurança e Salvamento e Forças Armadas; funcionários do Sistema de Privação de Liberdade; população privada de liberdade; e adolescentes e jovens em medidas socioeducativas.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Paraíba

Região Metropolitana de João Pessoa tem maior nível de desigualdade no país, diz estudo

Foto: Krystine Carneiro/G1

Na Região Metropolitana de João Pessoa o rendimento médio dos 10% moradores mais ricos passou de 50,8, no 1º trimestre de 2020, para 99,8 vezes maior do que o rendimento médio dos 40% mais pobres no 1º trimestre de 2021. É a maior taxa de desigualdade de renda do país, conforme analisado no boletim elaborado pelo Observatório das Metrópoles, em parceria com a Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS) e com o Observatório da Dívida Social na América Latina (RedODSAL).

As cinco regiões metropolitanas com as maiores razões de rendimento no 1º trimestre de 2021 foram, em ordem decrescente, as regiões metropolitanas de João Pessoa (99,8), Rio de Janeiro (74,6), Recife (63,8), Salvador (59,5) e Aracaju (58,2).

As Regiões Metropolitanas que apresentaram maior crescimento da razão de rendimentos, entre os mais ricos e os mais pobres, no período, foram Rio de Janeiro (109,6%), João Pessoa (96,6%), Aracaju (76,9%), Florianópolis (63,2%) e Recife (58,4%).

A pesquisa utiliza dados provenientes das PNADs Contínuas, produzidas pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), e também faz a análise do coeficiente de Gini, que mede a desigualdade de uma região.

Em relação à renda, João Pessoa aparece como segunda maior região com os maiores percentuais de indivíduos vivendo em domicílios com rendimento per capita de até ¼ do salário mínimo, marcando 43,2% e perdendo apenas para Maceió, com 45,3%.

No estudo, em relação à região Nordeste I, que agrupa as regiões metropolitanas de Teresina, Fortaleza, Natal e João Pessoa, o comportamento da desigualdade de renda foi de um crescimento suave, mas constante. As três primeiras RMs tiveram médias dos coeficientes semelhantes e que se intercalaram. Porém, João Pessoa teve a maior média do coeficiente em todo o período, registrando ainda uma alta maior do que o restante em 2020.

Nos últimos quatros trimestres, a média móvel do coeficiente de Gini na região passou de 0,672 para 0,729, um crescimento de 8,5%, valor superior à média das regiões metropolitanas (4,8%).

No conjunto das metrópoles mais desiguais no 1º trimestre de 2021, com Gini acima da média, temos, em ordem decrescente de desigualdade de renda: João Pessoa, Rio de Janeiro, Recife, Aracaju e Salvador como as cinco primeiras colocadas.

As regiões metropolitanas do Nordeste se caracterizaram por um grau constantemente mais elevado de desigualdades, com aumento em Natal, João Pessoa, Maceió, Aracaju e Recife.

G1 PB

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *