Brasil

Anatel abre procedimento interno para apurar qualidade do 5G após instabilidade

 

 

Foto: EFE/EPA/Andy Rain

A Anatel abriu procedimentos internos para verificar se Vivo, Claro e Tim estão cumprindo suas obrigações na instalação das redes 5G.

Segundo o conselheiro Moisés Moreira, que preside o Gaispi (Grupo de Acompanhamento da Implantação das Soluções para os Problemas de Interferência, o comitê do 5G), a agência passará a exigir metas de qualidade no 5G a partir de 1º de outubro.

Nesta quinta, o prazo máximo para que o serviço seja implementado nas 27 capitais sofreu alterações. A nova data agora é 28 de outubro. Até lá, no entanto, Moreira afirmou que a agência nada pode fazer para punir as empresas pela qualidade do novo serviço, que vem se mostrando instável nas 12 capitais onde já existe operação comercial.

Nas demais capitais, onde o serviço tem prazo máximo até o final de outubro para ser prestado, os níveis de qualidade passarão a ser exigência a partir de 29 de outubro.“Até onde sei, nenhuma empresa está vendendo pacotes de 5G ou operando com chips de quinta geração”, disse Moreira.

O Superintendente de Outorgas da Anatel, Vinicius Caram, afirmou que, embora as redes de 5G tenham as duas tecnologias a standalone (o chamado 5G puro) e não standalone, as empresas estão migrando os clientes com os chips 4G devido à falta de chips 5G no mercado. O resultado é que esses clientes usam a rede não standalone.

Na agência, há uma discussão jurídica sobre a forma de se exigir das empresas qualidade no 5G nessa fase de implantação. Uma ala da agência avalia que, sem a venda de chips específicos de quinta geração, não é possível exigir o cumprimento dos níveis prometidos pela tecnologia.

As teles não estão vendendo chips 5G porque há escassez desses insumos no mercado. Eles são produzidos basicamente na China, que teve de fechar suas fronteiras no início do ano devido a uma nova onda do coronavírus. O país também é o principal fornecedor de filtros a serem instalados nas antenas de quinta geração para evitar interferências com satélites e antenas parabólicas.

Além de João Pessoa, o 5G já funciona em São Paulo (SP), Brasília (DF), Belo Horizonte (MG) e Porto Alegre (RS). Nesta terça-feira (16), o sinal foi liberado em Curitiba (PR), Goiânia (GO) e Salvador (BA). Rio de Janeiro, Florianópolis, Vitória e Palmas recebem o 5G a próxima segunda-feira (22) após liberação da Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) nesta quinta (18).

Folha de São Paulo 

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Brasil

OMS não recomenda 4ª dose de vacinas contra Covid para população geral

Foto: Divulgação

A Organização Mundial da Saúde (OMS) atualizou, nesta quinta-feira (18), as recomendações sobre o uso das vacinas contra a Covid-19. De acordo com os especialistas do Grupo Consultivo Estratégico de Peritos em Imunização (SAGE, na sigla em inglês), não há necessidade de aplicar a quarta dose – o segundo reforço – na população geral, livre de fatores de risco.

A indicação do reforço fica restrita aos grupos com alto risco de desenvolver a forma grave da doença e morrer após infecção do coronavírus, incluindo idosos, pessoas com comorbidades, imunossuprimidos, gestantes e profissionais de saúde.

Os especialistas da OMS têm feito constantes revisões de estudos sobre as vacinas e a resposta imunológica de diferentes grupos populacionais aos imunizantes.

O presidente do SAGE, Alejandro Cravioto, afirmou durante coletiva de imprensa que garantir que todos recebam a imunização primária (com as duas primeiras doses) continua sendo a prioridade.

Metrópoles

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Brasil

STF derruba liminar e mantém inelegibilidade do ex-deputado Eduardo Cunha

FOTO- PEDRO GARRIDO

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Luiz Fux, determinou nesta quinta-feira (18) a inelegibilidade do ex-deputado federal Eduardo Cunha.

O ministro acolheu o pedido da Procuradoria Geral da República (PGR) e suspendeu a decisão do TRF-1 que havia afastado o pedido de inelegibilidade. A decisão de Fux também inclui a proibição de Cunha ocupar cargos públicos federais pela Câmara dos Deputados.

O presidente observou que a decisão do TRF-1 violou as regras do Regimento Interno e do Código de Ética e Decoro Parlamentar da Câmara.

Cunha estava livre para concorrer às eleições de outubro deste ano e tentaria a reeleição a deputado pelo MDB.

Em 2016 o político já tinha sido cassado por quebra de decoro parlamentar por 450 votos favoráveis e 10 contrários. A Câmara aprovou a cassação de Eduardo Cunha pela acusação de montar um esquema para esconder no exterior patrimônios e o recebimento de propina. De acordo com a condenação, Cunha teria mentido, em depoimento na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Petrobras, sobre a existência dessas suas contas.

Com informações de Jovem Pan

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Brasil

Ministro Daniel Ferreira entrega Residencial e participa de evento em JP nesta sexta

Foto: Reprodução

O ministro do Desenvolvimento Regional, Daniel Ferreira, estará nesta sexta-feira (19) em João Pessoa, na Paraíba, onde participa de agendas na área de habitação. Às 10h, serão entregues 160 moradias a famílias de baixa renda no Residencial Vista Alegre III. Às 11h30, Ferreira participa da abertura do Fórum Norte e Nordeste da Indústria da Construção Civil.

O Residencial Vista Alegre III recebeu R$ 14,1 milhões em investimentos e vai atender cerca de 650 pessoas. O empreendimento conta com cinco blocos de quatro andares, com oito apartamentos por pavimento.

Dentre os beneficiados, 117 são mulheres responsáveis pela economia familiar. Além disso, entre homens e mulheres, há 11 idosos e 30 portadores de deficiência.

O Vista Alegre III faz parte de um complexo de 11 módulos, sendo que oito deles já foram entregues entre 2016 e 2022. Os últimos dois residenciais estão previstos para os próximos meses.

Os módulos contam com infraestrutura completa, com drenagem, esgoto, água, pavimentação, energia elétrica, iluminação pública e transporte público. Nas proximidades, há creche, escola, postos de saúde e de segurança.

Fórum Norte e Nordeste da Indústria da Construção Civil

Composto por 16 estados das Regiões Norte e Nordeste, o Fórum busca o fortalecimento do setor da indústria da construção civil nas regiões.

Nesta sexta-feira, os temas abordados na mesa de abertura do evento, com a participação do ministro Daniel Ferreira, serão as mudanças do Programa Casa Verde Amarela, participação das pequenas e médias empresas nas obras estruturantes, requalificação dos antigos centros urbanos e parcelamento do solo em áreas urbanas, entre outros.

Blog do BG PB

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Brasil

Gabriel Monteiro tem mandato cassado por quebra de decoro parlamentar

Foto: Reprodução

O vereador Gabriel Monteiro (PL) teve o mandato cassado na Câmara do Rio nesta quinta-feira (18) por quebra de decoro parlamentar. Dos 50 votos possíveis, 48 foram pela cassação de Gabriel. Só Gabriel e o vereador Chagas Bola foram contrários.

A sessão que determinou a cassação do mandato do vereador Gabriel Monteiro, por quebra de decoro, teve início às 16h desta quinta-feira no plenário da Câmara de Vereadores do Rio de Janeiro e terminou às 22h23 com a votação e consequente cassação do mandato.

Gabriel Monteiro foi investigado no Conselho de Ética da Câmara por acusações de assédio sexual, forjar vídeos na internet e de estupro de vulnerável, por filmar relações com menor de idade, o que é crime previsto pelo Estatuto da Criança e do Adolescente. Gabriel Monteiro já é réu na Justiça por isso.

g1

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Brasil

Reajuste aprovado pelo STF deve custar quase R$ 16 bi até 2025, diz Senado

 

 

Foto: Divulgação

O reajuste de 18% nos salários de integrantes do Judiciário e do Ministério Público Federal deve custar R$ 15,7 bilhões até 2025, segundo estimativas da Instituição Fiscal Independente do Senado.

Os cálculos consideram que a proposta de aumento, que foi apresentada pelo STF, e ainda depende de aprovação do Congresso Nacional, será estendida a todos os membros e servidores dos tribunais federais, bem como ao MPF.

A conta, no entanto, desconsidera o efeito cascata provocado sobre outras carreiras, que também demandam reajustes. Essa pressão já foi detectada e está no radar de integrantes do governo Jair Bolsonaro (PL).

O pedido de reajuste foi aprovado pelo STF há uma semana e acaba servindo de referência para outras carreiras, uma vez que a remuneração de ministro do Supremo representa também o teto salarial do funcionalismo público.

Com o aumento, o vencimento mensal dos integrantes do STF passaria a R$ 46,3 mil. Hoje, esse valor é de R$ 39,3 mil.

Segundo a IFI, o aumento de 18% teria impacto de R$ 1,8 bilhão nas contas da União em 2023, R$ 5,5 bilhões em 2024 e R$ 6,3 bilhões a partir de 2025.

O valor é crescente porque a proposta do Supremo prevê um reajuste em quatro parcelas de 4,5%. À medida que os aumentos vão sendo incorporados aos salários, o impacto na despesa federal cresce.

Folha de São Paulo 

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Brasil

GENIAL/QUAEST: Bolsonaro cresce e empata com Lula no RJ, terceiro maior colégio eleitoral

Foto: Reprodução

A pesquisa Genial/Quaest divulgada nesta quinta-feira (18) revela crescimento de Jair Bolsonaro (PL) no estado do Rio de Janeiro, o terceiro maior colégio eleitoral do país.

Na comparação com julho, o presidente cresceu cinco pontos percentuais, alcançando 39% das intenções de voto, o mesmo percentual de Lula, que se manteve estável no período. Os dois estão rigorosamente empatados na pesquisa estimulada, em que é apresentada ao entrevistado uma lista de candidatos.

Na pesquisa espontânea, Bolsonaro também cresceu e ultrapassou o ex-presidente. Em julho, Lula marcava 31% contra 27% do candidato à reeleição. Agora, o presidente tem 32%, e o petista, 30%. Nas simulações de segundo turno, Lula continua numericamente à frente do atual mandatário, mas a diferença que era de 9 pontos em julho (47% a 38%) caiu para dois pontos em agosto (44% a 42%).

Veja

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Brasil

Confira a agenda dos candidatos à Presidência para esta quinta

Foto: Reprodução

Ciro Gomes (PDT): Às 10h, participa do Ciclo de Debates promovido pela Associação Comercial de São Paulo. Às 18h, é entrevistado no André Marinho Show.

Constituinte Eymael (DC): Agenda ainda não divulgada

Felipe D’Avila (Novo): Às 10h30, visita o Centro de Controle Operacional de Santos; às 11h35, visita o Complexo Hospitalar dos Estivadores; às 13h30, concede entrevista para o programa Ação Reação; às 14h50, participa de caminhada pela Praça Mauá; às 16h, participa de sabatina do Grupo Tribuna e Associação Comercial de Santos; às 18h, concede entrevista para a Rádio Santa Cecília FM e às 19h15, participa do lançamento de candidaturas do Novo.

Jair Bolsonaro (PL): Haverá uma motociata às 9h30 em São José dos Campos e depois um encontro no Farma Conde,

Léo Péricles (UP): Agenda ainda não divulgada.

Lula (PT): Participa de um ato pela democracia às 18h na Praça da Estação, em Belo Horizonte (MG). Evento será transmitido pelas redes do ex-presidente.

Pablo Marçal (Pros): Agenda ainda não divulgada

Roberto Jefferson (PTB): Agenda ainda não divulgada

Simone Tebet (MDB): 10h – participa da Hora do Voto, programa da OAB-SP que receberá os candidatos à presidente. 14h; reunião reservada com a coordenação da campanha; 16h, gravação de programa de propaganda eleitoral; 19h, entrevista ao FlowPodcast com Igor Rodrigues Coelho.

Sofia Manzano (PCB): Agenda ainda não divulgada.

Soraya Thronicke (União): Às 9h, faz reunião com a equipe da Executiva Estadual do União Brasil do Mato Grosso do Sul em um encontro reservado para tratar da campanha eleitoral. Às 16h, participa da assinatura do termo de compromisso com o programa “Presidente Amigo da Criança”, da Fundação Abrinq Pelos Direitos da Criança e do Adolescente em São Paulo.

Vera (PSTU): Às 10h, a candidata e a vice gravam vídeo e foto em São Paulo (SP). Às 11h, fazem panfletagem da Feira da Brasilândia, em São Paulo. Às 14h, recebem o Plano País da Infância e Adolescência na Sede Nacional do PSTU. Às 15h, concede entrevista ao SBT na Sede Nacional do PSTU.

Agência Brasil 

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Brasil

VÍDEO: Gravação do DVD de João Gomes é marcada por arrastões e brigas em Recife

 

Foto: Reprodução

Confusão, brigas, muita correria e barulho de disparos que poderiam ser tiros. As imagens que circularam nas redes sociais na noite desta quarta (17), mostram cenas de tumultos registradas na área onde ocorreu o show do cantor pernambucano João Gomes, no Centro do Recife. A região do Marco Zero do Recife foi tomada por uma multidão para a apresentação do cantor.

Os fãs do cantor ficaram animados e emocionados com o que viram. No entanto, em algumas áreas, foram relatados furtos, arrastões e até tiros. Durante o show, circulou ainda a informação de que um drone usado para registro de imagens teria sido levado depois de cair. A equipe da TV Globo relatou que foi pedido de devolução do equipamento “atrás do palco”.

As imagens das confusões na área onde ocorreu a apresentação do cantor rapidamente viralizaram nas redes sociais. Nos vídeos compartilhados, é possível acompanhar uma grande confusão, com a abertura de uma roda no meio do público.

O show de João Gomes no Marco Zero foi realizado para a gravação do DVD “Acredite”. Desde a madrugada desta quarta, teve início um esquema de trânsito, com fechamento de ruas, avenidas e pontes.

Também foi feito anúncio de reforço de policiamento, com mais de 300 PMs, além de homens contratados pela equipe de produção.

G1

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Brasil

CUPIDO FALHOU: Correios vai indenizar mulher após pedido de namoro chegar atrasado pelo Sedex

Foto: Reprodução

Um pedido de namoro atrasado rendeu uma indenização de R$ 5 mil, que os Correios deverão pagar a uma manicure de Sorocaba, interior de São Paulo.

A remetente enviou, em março de 2020, um presente para o seu amado junto com um pedido de namoro. O pacote foi postado no dia 10 pelo Sedex. A previsão era de que chegasse ao destino, em Taboão da Serra, no dia 12, véspera do aniversário do rapaz, para lhe fazer uma surpresa.

De acordo com o processo, a manicure pagou R$ 37 para enviar pelo Sedex um presente de aniversário para seu amado, junto com uma carta que continha o pedido oficial de namoro. A surpresa foi combinada com a cunhada, que receberia o pacote caso o rapaz não estivesse em casa.

Contudo, a entrega acabou saindo diferente do planejado. No processo, a manicure afirma que, nos dias 12 e 13 de março, constaram no sistema de rastreamento dos Correios duas tentativas de entrega frustradas, por endereço incompleto e por não ter ninguém em casa para receber a entrega. Indignada com a situação, ela abriu reclamações no site da empresa, no Reclame Aqui e no Procon, pois, como consta dos autos do processo, o endereço estava correto e a cunhada estava a postos para receber a encomenda nas duas oportunidades.

“Ela [a manicure] criou toda uma expectativa para o pedido e para a resposta. Era aniversário do namorado dela e ela iria vê-lo no final de semana para obter a resposta”, explica a advogada da manicure, Larissa Siqueira. O sistema de rastreamento chegou a registrar mais uma tentativa de entrega no dia 17 de março e o presente foi devolvido para a remetente no dia 30, “com a embalagem de postagem toda bagunçada”, como consta na petição inicial.

No dia dois de abril a manicure colocou nos Correios o mesmo pacote, com o mesmo endereço, quando então ele foi entregue. Todavia, já não era mais surpresa. “Isso gerou muita angústia e ansiedade na minha cliente. Ela ligou várias vezes para os Correios, pois foi tudo planejado conforme os prazos”, explica Siqueira.

No processo, os Correios se defenderam argumentando que o endereço do pacote estava incompleto. Contudo, a remetente conseguiu comprovar que não havia equívoco no endereçamento.

A juíza responsável pelo reconheceu a falha na prestação dos serviços e usou o Código de Defesa do Consumidor para fundamentar sua decisão.

A indenização arbitrada foi de R$ 5mil – mil reais a menos do que foi pedido no começo do processo. Apesar disso, a manicure não pretende recorrer. Sua advogada afirma que “a condenação ficou dentro do que esperávamos, considerando a peculiaridade do caso”.

Os Correios ainda pode recorrer da decisão.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.