Esporte

COPA DO BRASIL: Campinense enfrenta o São Paulo e o Sousa encara o Goiás

Foto: Reprodução

Um sorteio na sede da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) nesta segunda-feira (17) definiu os 40 duelos da primeira fase da Copa do Brasil de 2022. Nesta etapa, as vagas são decididas em duelo único, com o empate classificando o time visitante. A primeira fase contará com 10 times da Série A do Campeonato Brasileiro, entre eles o São Paulo, que enfrentará o Campinense, e o Goiás, que enfrenta o Sousa no Sertão paraibano.

 

Dois tradicionais clubes do futebol brasileiro que jogarão a Série B em 2022 vão encarar adversários complicados vindos do interior de São Paulo: o Vasco mede forças com a Ferroviária, de Araraquara, enquanto o Grêmio enfrenta o Mirassol.

 

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esporte

Djokovic diz que está ‘extremamente decepcionado’ após derrota na justiça

Logo após o resultado do julgamento que rejeitou o recurso de Novak Djokovic, o tenista enviou um comunicado à imprensa. Em curtas palavras, o sérvio se dizendo cansado de tudo, o sérvio mostrou sua chateação com a decisão da justiça.

O atleta foi deportado da Austrália e não poderá defender seu título em Melbourne. Ele tentou entrar no país sem se vacinar contra a covid-19 e com uma isenção médica.

“Gostaria de fazer uma breve declaração para abordar os resultados da audiência de hoje no Tribunal. Agora, vou tirar algum tempo para descansar e me recuperar, antes de fazer mais comentários além disso. Estou extremamente decepcionado com a decisão da Corte em negar meu recurso de revisão da decisão do Ministro em cancelar o meu visto, o que significa que eu preciso deixar a Austrália e não poderei participar do Australian Open”, disse Djokovic.

“Respeito a decisão do Tribunal e vou cooperar com as autoridades para deixar o país. Me incomoda que o foco nas últimas semanas tenha sido em mim e espero que agora o foco seja no jogo e no torneio que mais amo. Desejo aos jogadores, ao torneio, ao staff, aos oficiais e aos fãs o melhor torneio”, acrescentou.

“Finalmente quero agradecer minha família, amigos, equipe, fãs e colegas sérvios pelo suporte contínuo. Vocês foram uma boa fonte de força para mim”, afirmou o número 1 do mundo.

Na última sexta-feira (14), o ministro da Imigração, Cidadania, Serviços a Imigrantes e Relações Multiculturais da Austrália, Alex Hawke, usou o seu poder ministerial para cancelar o visto do tenista. A defesa de Djokovic, então, entrou com um recurso para que ele pudesse permanecer no país e disputar o torneio, mas perdeu na justiça.

UOL

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esporte

NÚMERO 1 DO MUNDO: Djokovic será deportado da Austrália e está fora do Aberto de Tênis

A Justiça da Austrália rejeitou, neste domingo (16), o recurso apresentado pela defesa do tenista sérvio Novak Djokovic contra o cancelamento do seu visto de entrada no país. Com a decisão, o número 1 do mundo será deportado e não disputará o Aberto da Austrália, que começa nesta segunda- feira (17).

Segundo o juiz James Allsop, a decisão pela deportação de Djokovic foi unânime. Allsop disse que mais detalhes serão divulgados posteriormente pelo tribunal. O governo australiano argumentou que a permanência do tenista no país estimulava a rejeição à vacinação contra a covid-19.

Com a deportação, as leis de imigração da Austrália também proíbem que Djokovic retorne ao país nos próximos 3 anos.

O caso

Djokovic foi barrado ao chegar na Austrália no dia 5 de janeiro. Ficou detido no hotel de detenção de imigrantes Park Hotel, em Melbourne. Em 10 de janeiro, uma decisão da Justiça australiana deu ao tenista o direito de entrar no país e participar da competição.

Quatro dias depois, o atleta teve novamente seu visto cancelado após suspeita de ter falsificado um teste de covid-19.

A Austrália não permite o ingresso de quem não é cidadão australiano ou não mora no país e que não esteja totalmente vacinado contra a covid-19. Uma exceção seria se ele tivesse sido diagnosticado com a doença recentemente.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esporte

Tenista Novak Djokovic volta a ser detido na Austrália após ter visto cancelado por não ter tomado a vacina contra a Covid-19

Foto: Mike Segar / Reuters

O tenista Novak Djokovic voltou a ser detido na Austrália, neste sábado (15). O número um do mundo foi levado para o centro de detenção do Park Hotel em Melbourne. Ele aguarda nova audiência que será realizada no domingo para saber se será deportado por não ter tomado a vacina contra a Covid-19.

Djokovic esteve detido nestas mesmas instalações no início da semana, antes da decisão de cancelar seu visto ser anulada.

De acordo com a Sky News, da Austrália, o tenista será levado à presença de um juiz, em um tribunal, neste domingo. Os advogados de Djokovic estão tentando obter uma liminar para permitir que ele permaneça no país e jogue o Aberto da Austrália.

Djokovic tenta na Austrália quebrar o recorde de títulos de Grand Slams na história do tênis, 21, no torneio que já venceu nove vezes. Cabeça de chave número 1 do Aberto da Austrália, terá partida de estreia contra o também sérvio Miomir Kecmanovic, segunda-feira, se conseguir reverter a ameaça de deportação.

Pelas leis australianas, caso seja deportado do país, não poderá retornar em um período de dez anos.

Agrava o caso o fato de, além de não ter se vacinado contra a Covid-19, o sérvio ter preenchido incorretamente um formulário sobre a doença na imigração australiana. Além disso, ele admitiu que não cumpriu período de isolamento necessário depois de testar positivo para o vírus.

O Globo

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esporte

Governo australiano decide cancelar novamente visto de Novak Djokovic

O governo australiano cancelou o visto de Novak Djokovic pela segunda vez nesta sexta-feira (14), dizendo que o tenista número 1 do mundo, não vacinado contra a Covid-19, pode representar um risco para a comunidade.

O ministro da Imigração, Alex Hawke, usou seus poderes discricionários para anular novamente o visto do tenista sérvio, depois que um tribunal anulou uma revogação anterior e o liberou da detenção de imigração na segunda-feira (10).

“Hoje eu exerci meu poder sob a seção 133C(3) da Lei de Migração para cancelar o visto detido por Novak Djokovic por motivos de saúde e boa ordem, com base no interesse público”, disse Hawke em um comunicado.

Hawke afirma que consideoru “cuidadosamente as informações fornecidas pelo Departamento de Assuntos Internos, pela Força de Fronteira Australiana e pelo Sr. Djokovic”.

Ainda não está claro se o sérvio será deportado da Austrália, já que seus advogados podem recorrer da decisão. Caso seja deportado, Djokovic não poderia entrar no país pelos próximos três anos.

O número 1 do mundo foi incluído no sorteio oficial do Aberto da Austrália nesta quinta-feira (13), mas agora tem poucas chances de conseguir permissão para participar do torneio. Nove vezes campeao do torneio, Djokovic buscava seu 21º Grand Slam.

CNN Brasil

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esporte

ELIMINATÓRIAS: Tite convoca paraibano Matheus Cunha para a seleção

Divulgação

O técnico da seleção brasileira masculina, Tite, divulgou nesta quinta-feira (13) a primeira lista de 2022, ano de Copa do Mundo. Os 26 atletas foram convocados para os jogos das Eliminatórias contra Equador, em Quito, dia 27 de janeiro, e Paraguai, em Belo Horizonte, dia 1º de fevereiro.

Na lista de convocados consta o paraibano Matheus Cunha, jogador do Atlético de Madrid.

Veja abaixo a agenda da Seleção em 2022:

27/1 – Brasil x Equador, em Quito
1/2 – Brasil x Paraguai, no Mineirão
24/3 – Brasil x Chile, na Arena Fonte Nova
29/3 – Brasil x Bolívia, em La Paz
1/4 – Sorteio de grupos Copa do Mundo
Entre 31 de maio e 14 de junho – Três amistosos, com datas, locais e adversários a definir
Entre 19 e 27 de setembro – Dois amistosos, com datas, locais e adversários a definir
21/11 – Abertura da Copa do Mundo

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esporte

SELEÇÃO: Hulk está fora da lista de Tite para as Eliminatórias da Copa

Imagem: Reprodução

O atacante paraibano Hulk, destaque do Campeonato Brasileiro em 2021, não está na lista de convocados do técnico Tite para os próximos dois confrontos do Brasil pelas Eliminatórias da Copa contra o Equador e o Paraguai.

Outro grande desfalque é o atacante Neymar Junior, que está machucado. O atacante Vinícius Jr., do Real Madrid, foi chamado.

A seleção encara, no próximo dia 27, o Equador (3° lugar) em Quito. Já no dia 1° de fevereiro, o Brasil tem pela frente o Paraguai (9° lugar), em duelo que será realizado no Mineirão, em Belo Horizonte.

Líder de maneira invicta e já classificada, a equipe de Tite tem 35 pontos em 13 jogos no torneio. A Argentina vem logo atrás, com 29 pontos. Os quatro primeiros colocados ao final dos 18 confrontos se classificam diretamente para a Copa – o 5° lugar terá que disputar a repescagem.

Veja a lista:

Goleiros: Alisson (Liverpool), Ederson (Manchester City) e Weverton (Palmeiras)

Laterais: Emerson Royal (Tottenham), Daniel Alves (Barcelona), Alex Sandro (Juventus) e Alex Telles (Manchester United)

Zagueiros: Eder Militão (Real Madrid), Gabriel Magalhães (Arsenal), Marquinhos (PSG) e Thiago Silva (Chelsea)

Meias: Fabinho (Liverpool), Paquetá (Lyon), Bruno Guimarães (Lyon), Casemiro (Real Madrid), Fred (Manchester United), Gerson (Olympique de Marselha), Everton Ribeiro (Flamengo) e Philippe Coutinho (Aston Villa)

Atacantes: Antony (Ajax), Gabigol (Flamengo), Gabriel Jesus (Manchester City), Matheus Cunha (Atlético de Madri), Raphinha (Leeds), Rodrygo (Real Madrid) e Vinicius Junior (Real Madrid)

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esporte

REVIRAVOLTA: Juiz determina liberação de Djokovic e anula cancelamento de visto

Foto: Reprodução

O juiz Anthony Kelly anulou a decisão do governo australiano de cancelar o visto de Novak Djokovic e ordenou que o tenista sérvio seja liberado da instalação de detenção temporária. O réu – neste caso, o Ministério de Assuntos Internos da Austrália – deve pagar os custos de Djokovic conforme acordado ou avaliado, acrescentou a ordem. Todos os seus pertences, incluindo o passaporte, devem ser devolvidos a ele “assim que for razoavelmente praticável”.

Depois que o juiz proferiu sua decisão, Christopher Tran, o advogado do governo federal, disse que a administração cumprirá a decisão – mas que o Ministro da Imigração, Cidadania, Serviços para Migrantes e Assuntos Multiculturais consideraria “se deve exercer um poder pessoal de cancelamento”.

Em resposta, o juiz Anthony Kelly deixou claro que gostaria de ser informado se o processo legal se arrastasse. Kelly também confirmou que se Djokovic tivesse sido deportado, ele não teria permissão para voltar ao país pelos próximos 3 anos.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esporte

FUTEBOL: Treze faz primeiro teste de 2022 neste domingo contra Bananeiras

Foto: reprodução

O Treze enfrentará às 15h o time de Bananeiras, no Estádio Bezerrão, em Bananeiras. O Galo realiza o primeiro amistoso da temporada. No Centro de Treinamento Chagas Dadau, no bairro da Catingueira, o Treze encerrou no último sábado (8), a 3ª semana de treinos.

A preparação foi concluída com uma atividade de liberação e a realização do treino recreativo, o primeiro “rachão” da temporada.

O time está de volta aos jogos, após fracassar nas competições que disputou no ano passado. Essa será a primeira oportunidade para o técnico Flávio Barros testar seus jogadores em uma simulação real de jogo.

No Estadual, o time alvinegro estreia no dia 3 de fevereiro, quando vai encarar o Sport Lagoa Seca, fora de casa.

ClickPB

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esporte

Sem Neymar, Fifa anuncia três finalistas do The Best: Messi, Lewandowski e Salah

A Fifa anunciou nesta sexta-feira os três finalistas do prêmio The Best de 2021, entregue ao melhor jogador do mundo na temporada europeia. Messi, Lewandowski e Salah disputarão a honraria no próximo dia 17, em cerimônia realizada em Zurique, na Suíça. O polonês é o atual detentor do primeiro lugar na premiação, quando desbancou o argentino, além de Cristiano Ronaldo.

Finalista em 2017, Neymar fica de fora do top 3 pelo quarto ano consecutivo. Dentre as mulheres, as finalistas são Jennifer Hermoso e Alexia Putellas, ambas do Barcelona, além de Sam Kerr, do Chelsea. O anúncio foi feito pela ex-jogadora Kristine Lilly, dos Estados Unidos, e o ex-jogador Sami Khedira, da Alemanha.

ge

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *