Política

VÍDEO: Cumprindo agenda na Paraíba, Bolsonaro faz carreata por avenidas de João Pessoa

O ex-presidente da república, Jair Bolsonaro (PL), realizou uma carreata por avenidas de João Pessoa, no fim da manhã desta sexta-feira (12). O político cumpre agenda política na Paraíba durante o fim de semana.

O político desembarcou no Aeroporto Castro Pinto por volta das 9h e aproveitou para visitar o Mercado Público de Mangabeira. Durante a visita ao estado, Bolsonaro vai participar de diversas atividades políticas e partidárias na Região Metropolitana de João Pessoa, em especial nas pré-campanhas de Marcelo Queiroga (PL), na Capital, e Wallber Virgolino (PL), em Cabedelo.

Além disso, por volta das 17h, o ex-presidente receberá o título de cidadão pessoense e paraibano na Assembléia Legislativa da Paraíba (ALPB).

Para receber essa e outras notícias acesse o grupo do BG PB no Whatsapp

Blog do BG PB com T5

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

CMJP

CMJP vai discutir diagnóstico precoce e educação para pessoas com autismo

A Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP) deve realizar na próxima quarta-feira (17), uma sessão especial para discutir o diagnóstico precoce e educação para pessoas com autismo.

O autor da sessão o vereador, Durval Ferreira (PL), tem convocado autoridades e especialistas no assunto para debater sobre o tema.

Além disso, de autoria do deputado Tovar Correia Lima, foi promulgada nesta quinta-feira (11), uma lei estabelecendo o Programa de Diagnóstico Precoce e Atendimento Multiprofissional para pessoas com TEA. A Lei, aprovada na Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), marca um avanço significativo na luta pela inclusão e pelo tratamento adequado de pessoas com Transtorno do Espectro Autista (TEA) no Estado.

A nova lei estabelece uma abordagem integrada e especializada no tratamento do autismo, propondo uma série de medidas para garantir o diagnóstico precoce e o acompanhamento adequado. Entre as diretrizes, destaca-se o desenvolvimento de programas e ações informativas para a população, enfatizando a importância do reconhecimento dos sintomas e do tratamento do TEA logo no início do problema.

A lei também prevê a participação ativa da família no processo de tratamento, além de apoiar a pesquisa e o desenvolvimento tecnológico na área da saúde. Uma equipe multidisciplinar, envolvendo profissionais de várias áreas como pediatria, neurologia, psiquiatria, odontologia, psicologia e fonoaudióloga.

Para receber essa e outras notícias acesse o grupo do BG PB no Whatsapp

Blog do BG PB

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Paraíba

Operação flagra ligações clandestinas e prende sete pessoas por “gato de energia” na Paraíba

Sete pessoas foram presas no Sertão da Paraíba por furto de energia e ligações clandestinas. A ação, que aconteceu na última terça-feira (09) percorreu as cidades de Pombal e Bom Sucesso. Durante as fiscalizações, as equipes flagraram mais de 20 ligações irregulares e a Polícia executou sete ordens de prisão pelos furtos de energia.

Para essa operação foram envolvidos cerca de 40 colaboradores da Energisa e da Polícia Civil. Ao todo a energia recuperada em estabelecimentos comerciais e residenciais, foi de 105.800 KWh, o suficiente para atender 84 residências durante 6 meses.

O furto de energia é crime, previsto no Código Penal, no art. 155 e art. 171, com pena de até quatro anos de reclusão e multa.  Além de crime, o desvio de energia coloca a vida das pessoas em risco, pois essas ligações podem provocar não só a queima de equipamentos, mas também curtos-circuitos e incêndios. A prática também sobrecarrega a rede de distribuição, já que a rede elétrica é planejada para atender os clientes regulares e cadastrados nos sistemas da companhia.

“É importante reforçar que o furto de energia prejudica os demais clientes, pois a energia desviada sobrecarrega a rede, provocando quedas ou oscilações de energia e queima de transformadores, por exemplo”, explica o coordenador de medição e combate a perdas da Energisa Paraíba, Edivaldo Brandão.

Furto de Energia em 2024

O combate ao furto de energia continua sendo uma das prioridades para 2024. Esse ano, a empresa aplicará cerca de R$ 20 milhões na regularização e combate a essa prática ilegal, atuando com inspeções, tecnologia e inteligência de dados.

Até o momento, em toda Paraíba no primeiro trimestre de 2024 foi recuperado 11.000.000 kWh o que significa que pode abastecer residências de um município do tamanho de Sousa, por um mês.  Este ano, foram realizadas 30 mil inspeções e encontradas aproximadamente 6 mil irregularidades por meio de análises de histórico de consumo e denúncias. Mais de 20 pessoas foram presas.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Brasil

Lula sanciona lei da ‘saidinha’ e mantém benefício para visitas familiares

Lula deve manter saída temporária de presos apenas para visitas a familiares

 

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva sancionou nesta quinta-feira, 11, o projeto de lei aprovado pelo Congresso que restringe a saída temporária de presos, a chamada “saidinha”, mas vetou o trecho que proibia a liberação de detentos para visitas a familiares em datas como Natal, Ano Novo e Páscoa.

“Por motivos humanitários e por motivos constitucionais, o governo decidiu preservar apenas e tão somente a possibilidade de o preso que está no regime semiaberto visitar a família, porque consideramos que esse é um benefício que facilita, que permite, isso em todos os países civilizados, a reinserção social”, disse o ministro da Justiça, Ricardo Lewandowski. 

Segundo o ministro, todas as outras restrições aprovadas pelo Congresso Nacional foram mantidas.

Com Veja

 

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Política

(VÍDEO) Bolsonaro convida paraibanos para evento em João Pessoa, nesta sexta-feira

O ex-presidente Jair Messias Bolsonaro convidou, por meio das redes sociais do pré-candidato à Prefeitura de João Pessoa, Marcelo Queiroga (PL), todos os conservadores da Paraíba para evento que será realizado nesta sexta-feira (12), na Domus Hall, casa de eventos localizada no Manaíra Shopping, em João Pessoa.

Vamos falar de política e também de Brasil juntamente com nosso eterno Ministro da Saúde Queiroga, declarou o ex-presidente.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Brasil

Justiça Eleitoral condena Boulos a multa de R$ 53 mil por divulgar recorte falso de pesquisa

Foto: Renato Araújo/Câmara dos Deputados

A Justiça Eleitoral condenou nessa quarta-feira (10) o deputado federal Guilherme Boulos (PSOL-SP), pré-candidato à prefeitura de São Paulo, a multa de R$ 53.205 por postar nas redes sociais o recorte falso de uma pesquisa eleitoral. Ele ainda terá que apagar as publicações, sob pena de pagamento diário de R$ 10 mil. O autor da ação foi o MDB, partido do prefeito de São Paulo e pré-candidato à reeleição Ricardo Nunes.

No último dia 4, Boulos publicou o suposto cenário de uma pesquisa eleitoral do Instituto Real Time Big Data para prefeito de São Paulo com o título “Boulos lidera com 34% contra qualquer bolsonarista”. Esse recorte, no entanto, não consta no levantamento feito pela empresa.

O juiz eleitoral Antônio Maria Patiño Zorz afirmou, na sentença, que ficou “caracterizada a divulgação irregular de dados com indução do eleitor a erro”. “A culpa do representado [Boulos] está caracterizada na divulgação como resultado oficial de uma pesquisa efetivamente realizada, mas de um cenário fictício de candidatos que não foi objeto de questionário pelo instituto de pesquisas Real Time Big Data”, decidiu.

Segundo o MDB, o parlamentar “inventou um cenário que não foi pesquisado pelo instituto para manipular a opinião pública”. “O cenário de candidatos divulgado é absolutamente ficcional. Tratou-se de uma falsidade gritante e facilmente verificável com a simples leitura do questionário da pesquisa e dos dados da divulgação dos seus resultados”, alegou o advogado da sigla, Ricardo Vita Porto.

“A divulgação dos resultados de pesquisa eleitoral deve, sobretudo, ser fiel à verdade e não levar o eleitor a erro a respeito do desempenho dos disputantes. A divulgação de resultado forjado é conduta explicitamente proibida”, diz o jurista.

Procurada pela reportagem, a assessoria de Boulos disse que o pré-candidato vai recorrer da sentença

A pesquisa

Um dos cenários autênticos da pesquisa, encomendada pela RECORD, mostra que Nunes, em um eventual segundo turno com Boulos, teria 51%, contra 49% do adversário. Os dois, portanto, estariam empatados na margem de erro — de 3 pontos percentuais. A pesquisa foi realizada com 2 mil pessoas, entre os dias 1º e 2 de março. O levantamento está registrado sob o número SP-033963/2024 na Justiça Eleitoral. O grau de confiança é de 95%.

Fonte: Portal R7

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Polêmica

“Fatos inverídicos e interesses conflitantes”, diz Aguinaldo Ribeiro após ex-esposa acusar deputado de agressão; confira nota

Foto: (Aguinaldo Ribeiro era casado com Ana Rachel Ribeiro há mais de 20 anos. Juntos o casal teve duas filhas).

Após a ex-esposa do deputado federal Aguinaldo Ribeiro (PP), Ana Rachel Targino Queiroz Velloso Ribeiro, denunciar o político por agressão e pedir medidas protetivas, ele se pronunciou na tarde desta quinta-feira (11).

Em nota, Aguinaldo negou as acusações e revelou o fim do casamento com Ana e que este é um momento dificil envolvendo problemas de saúde e interesses conflitantes.

“Mais estarrecido ainda fiquei com o conteúdo da petição que retrata fatos inverídicos, fantasiosos e nao comprovados. Repudio veementemente as acusacoes de agressão, seja de qualquer natureza”, diz em trecho.

 

Confira abaixo a nota na íntegra:

 

A denúncia foi feita na Justiça no dia 2 de abril, mas veio a público apenas nesta quinta-feira (11).

Para receber essa e outras notícias acesse o grupo do BG PB no Whatsapp

Blog do BG PB

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Polêmica

Empresário Rodrigo Carvalheira é preso acusado de estupro no Recife

O empresário Rodrigo Carvalheira, um dos mais conhecidos em Pernambuco, foi preso, na manhã desta quinta-feira (11), em Recife, acusado de estupro e violência contra mulheres.

Carvalheira foi encaminhado para a Delegacia da Mulher, da Polícia Civil de Pernambuco, no bairro de Santo Amaro, área central da Capital Pernambucana.

A prisão preventiva do empresário foi decretada pelo Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE).

O acusado de estupro deixou a delegacia acompanhado da esposa e alegou ser “inocente”.

“Tudo será apresentado. Sou inocente. São muito minhas amigas, e eu acho incrível que está acontecendo isso”, disse.

Rodrigo Carvalheira é dono de um restaurante e de diversos empreendimentos imobiliários.

Ele também já foi secretário de Turismo no município de São José da Coroa Grande, no Litoral Sul Pernambucano.

Esclarecimento
Diante da divulgação equivocada de vários veículos de comunicação, o Grupo Carvalheira, responsável pelo evento “Carvalheira na Ladeira”, emitiu nota negando Rodrigo tenha qualquer relação com conglomerado empresarial.

No texto, publicado na manhã desta quinta-feira no Instagram, o grupo afirmou que ter sido surpreendido com as notícias ligando Rodrigo à empresa.

“Importante salientar que o mesmo não tem e não teve anteriormente qualquer relação com o quadro societário ou de funcionários do grupo”, disse a nota.

com ClickPB

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Economia

Vendas do comércio varejista aumentam 19,6% na Paraíba em fevereiro, a maior alta do país

Foto: IBGE

As vendas do comércio varejista aumentaram 19,6% no mês de fevereiro na Paraíba em relação ao mesmo período do ano passado, segundo dados da Pesquisa Mensal de Comércio (PMC), divulgada nesta quinta-feira (11) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O percentual de crescimento é o maior registrado no país. Na receita nominal de vendas do setor, a Paraíba também lidera, com 20,9%.

A variação no país foi de 8,2% com resultados positivos em todas os 27 estados. Amapá teve o segundo maior volume de venda (17,9%), seguido por Mato Grosso (17,1%).

Quando avaliado o desempenho do setor em relação ao mês anterior, janeiro, a Paraíba também detém a maior alta do país, de 5,7%. Essa foi a segunda alta consecutiva do indicador paraibano, uma vez que a variação registrada em janeiro foi de 4%.

No mesmo comparativo, a receita nominal de vendas do setor apresentou o 2º maior crescimento (3,3%) entre todas as unidades da federação, abaixo apenas do que o verificado no Pará (4,6%)
e acima da média do Brasil (1,2%). No mês anterior, a variação desse indicador estadual também havia sido positiva (4,5%).

No acumulado do ano, houve alta tanto no volume de vendas (7,3%) como na receita nominal (8,3%) do varejo estadual. Em ambos os casos, os indicadores estaduais ficaram acima dos nacionais, que foram de 6,1% e 8,2%, respectivamente.

Fonte: IBGE, Diretoria de Pesquisas, Coordenação de Estatísticas Conjunturais em Empresas

Fonte: IBGE, Diretoria de Pesquisas, Coordenação de Estatísticas Conjunturais em Empresas

Paraíba tem maior alta do país também no varejo ampliado

No comércio varejista ampliado paraibano, houve avanço de 5,2% no volume de vendas e de 6,2% na receita nominal, em janeiro, frente aos resultados do mês anterior. Essas foram as maiores variações do país, ficando bem acima das médias do Brasil, que foram de 1,2%, para o primeiro indicador, e de 1,6%, para o segundo. O setor inclui as atividades de veículos, motos, partes e peças, material de construção e as de atacado especializado em alimentos, bebidas e fumo.

Na comparação entre fevereiro de 2024 e o mesmo mês de 2023, a alta apresentada pelo setor paraibano foi a segunda maior do país no volume de vendas (17,7%), atrás apenas de Tocantis
(19,3%); e a terceira maior na receita nominal (18,5%), que foi inferior somente às altas registradas em Tocantins (24,1%) e no Amapá (18,6%).

As variações acumuladas no ano foram igualmente positivas, de 7,3% no volume de vendas e de 8,3% na receita nominal, ambas superiores às médias nacionais, que ficaram em 6,1% e 8,2%,
respectivamente.

Já no acumulado dos últimos 12 meses, o movimento observado no setor paraibano foi de queda, tanto no volume de vendas (-3,2%) como na receita nominal (-1,2%), contrastando com as altas de 2,3% e 4%, respectivamente, verificadas no cenário nacional.

Crescimento pelo segundo mês e maior patamar na série histórica

Na passagem de janeiro para fevereiro de 2024, na série com ajuste sazonal, a taxa média nacional de vendas do comércio varejista foi de 1%, segundo mês consecutivo de alta.

Segundo o IBGE, a última vez que o varejo registrou dois meses consecutivos de alta foi em setembro de 2022 (0,5% em agosto e 0,7% em setembro). Com isso, a série histórica do índice da base fixa do indicador de volume da margem atinge o máximo da série histórica, superando em 0,5% o nível recorde anterior (outubro de 2020).

“Entre os destaques dessa passagem é termos observados dois meses consecutivos de altas, o que não acontece desde meados de 2022. No entanto, naquele momento o crescimento combinado dos dois meses foi menor, menos intenso. Outro aspecto a ser destacado é que nos últimos dois anos ou janeiro ou fevereiro vieram mais fortes, mas com posterior queda. Em 2024, houve alta tanto em janeiro quanto em fevereiro”, avalia o gerente da pesquisa, Cristiano Santos.

Ainda conforme o IBGE, o comportamento foi influenciado pelo crescimento de artigos farmacêuticos, médicos, ortopédicos e de perfumaria (9,9%) e de outros artigos de uso pessoal e doméstico (4,8%).

“Avaliando esse setor sob a ótica de seus subsetores, percebemos que a alta veio da parte de produtos farmacêuticos. Houve um fator inflacionário que precisa ser levado em conta, que resultou em um crescimento de preços, mas um crescimento ainda maior em volume de receitas. Esse resultado de 9,9% é bastante expressivo e só vai se assemelhar a janeiro de 2022, quando o setor teve um crescimento de 9,4%”, lembra Cristiano sobre o setor farmacêutico.

Para receber essa e outras notícias acesse o grupo do BG PB no Whatsapp

Blog do BG PB com PautaReal

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Polícia

Padre é preso em flagrante pela PM com armas e munições em Campina Grande

Um padre foi preso em flagrante, nesta quinta-feira (11), no bairro do Ligeiro, em Campina Grande, com armas e munições. Segundo a polícia, o suspeito afirmou que as armas e munições eram para a sua segurança.

O sargento Wellington, da Polícia Militar, explicou que uma equipe policial realizava fiscalizações de trânsito quando durante uma abordagem foi verificado que o QRCode da placa do veículo conduzido pelo padre estava coberto por uma fita.

“Mediante isso nós suspeitamos que poderia haver algo de errado no interior do veículo e passamos a fazer uma abordagem mais minuciosa. Foi quando encontramos um revólver, uma pistola, 19 munições de pistola calibre .40 e três munições de calibre 38, além de 16 cápsulas deflagradas”, explicou o sargento.

As armas não possuem registro e uma delas apresenta sinais de adulteração.

O padre foi encaminhado para a Central de Polícia, onde permanece preso.

Para receber essa e outras notícias acesse o grupo do BG PB no Whatsapp

Blog do BG PB com MaisPB

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.