Paraíba

CONTAGEM REGRESSIVA: Cícero Lucena prevê imunização total de João Pessoa até agosto

Foto: Secom / JP

De acordo com o prefeito de João Pessoa, Cícero Lucena (PP), até o dia 5 de agosto toda a população acima de 18 anos da capital estará imunizada com a primeira dose. O gestor afirmou que se o Ministério da Saúde concluir o envio de doses programado, o calendário será cumprido.

Só durante o último final de semana, foram aplicadas cerca de 25 mil doses no município. Isso fez com que a capital ultrapassasse a marca de 60% da população imunizada.

Cícero destacou a agilidade na aplicação das doses e lembrou que a cidade já ultrapassou os 60% de imunização. “No aniversário desta cidade nós teremos aplicado a primeira dose em toda população acima de 18 anos. Em um esforço da Secretaria de Saúde, com apoio de outras Secretarias. Se há algo que nos deixa feliz é ter a chance de proteger essa população”, disse.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Paraíba

VÍDEO: Macaco é salvo de ataque de cães por moradores, em Santa Rita

 

Ver esta publicação no Instagram

 

Uma publicação partilhada por Portal BG PB (@blogdobgpb)

Uma cena chamou atenção na tarde desta segunda-feira, 16, em uma rua do bairro Jardim Planalto, em Santa Rita.

Um macaco passava pelo local e estava sendo atacado por cães. Foi nesse momento, que moradores de um condomínio residencial localizado nas proximidades capturaram o animal, evitando assim, que ele fosse morto pelos cachorros.

Os moradores acionaram a Polícia Ambiental para pegar o animal.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Política

Moro terá que prestar depoimento à Polícia Federal sobre domicílio eleitoral em SP

Foto: reprodução/Instagram

O Ministério Público Eleitoral (MPE) de São Paulo determinou à Polícia Federal a instauração de inquérito para investigar se o ex-juiz Sergio Moro (União Brasil) cometeu fraude na mudança de seu domicílio eleitoral do Paraná para São Paulo.

O promotor solicitou ainda que o casal preste depoimento.

A denúncia feita pela empresária Roberta Luchsinger afirma que Moro e Rosângela fizeram a mudança de domicílio sem ter “qualquer vínculo” com São Paulo.

Os dois se filiaram recentemente ao União Brasil e cogitam ser candidatos à Câmara dos Deputados ou ao Senado Federal pelo estado.

Hoje, para fazer a troca de domicílio, a legislação exige residência de ao menos três meses no novo local. Porém, uma jurisprudência do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) estabelece que o domicílio eleitoral também ocorre pela constituição de “vínculos políticos, econômicos, sociais ou familiares”.

A defesa de Moro justifica que o ex-ministro estabeleceu São Paulo como sua base política desde que voltou dos Estados Unidos, em novembro, e se filiou ao Podemos. Diz ainda que ele passou a residir na capital paulista, no Hotel Intercontinental, cumprindo “agendas semanais” e “valendo-se da cidade como seu hub”.

Desde março, Moro passou a morar com sua mulher em um flat na Zona Sul, endereço que incluiu no cadastro junto à Justiça Eleitoral e onde diz ter um contrato de locação.

O Globo

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Polêmica

NUDES: Vereador Cipó de Ingá, vaza foto do “Cipó” em grupo de whatsapp

Foto: Reprodução/Redes sociais

O vereador Cipó, da Câmara Municipal de Ingá, vazou uma foto íntima em um grupo de WhatsApp, nesta segunda-feira (16). Ele disse que foi sem querer e que foi surpreendido por amigos.

Na imagem, vereador é visto de baixo para cima, estando em evidência o pênis, o braço atravessado sobre a barriga e o rosto dele.

Após o ‘nude’ vazar no grupo no WhatsApp, o vereador Cipó explicou que a foto foi enviada sem a vontade dele. O parlamentar contou que foi provocado por amigos que disseram que ele “não tinha nada” em relação ao tamanho do pênis.

O vereador, então, segundo versão relatada por ele em áudios ainda no WhatsApp, teria mostrado o pênis ereto e os amigos o teriam surpreendido fazendo a foto no momento em que ele mostrava o genital.

Foto: reprodução

“Qualquer coisa dá um alô aí no grupo dizendo que o menino bateu sem querer, bateu de sacanagem e saiu sem querer a foto”, pede o vereador em um dos áudios que o ClickPB teve acesso.

ClickPB

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Judiciário

Tribunal de Justiça do Rio arquiva denúncia por ‘rachadinhas’ contra Flávio Bolsonaro

Foto: Sergio Lima/Poder 360

A Justiça do Rio de Janeiro arquivou nesta segunda-feira (16) a denúncia contra o senador Flávio Bolsonaro (PL-RJ) no caso das rachadinhas. A decisão é da Corte Especial do TJ-RJ (Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro) e foi tomada pouco depois de o procurador-geral de Justiça do Rio, Luciano Mattos, pedir a anulação da denúncia contra Flávio.

A solicitação tem como base a decisão do STJ (Superior Tribunal de Justiça) que anulou decisões proferidas nas investigações da rachadinha. Foram derrubadas medidas cautelares que contribuíram para a obtenção de provas.

A Corte também anulou quebras de sigilo bancário e fiscal determinadas ao longo das investigações. O que forçou a promotoria a apresentar uma nova versão da denúncia contra o senador.

Além disso, em novembro de 2021, a 2ª Turma do STF (Supremo Tribunal Federal) reconheceu que Flávio tem foro privilegiado. Na ocasião, a Corte analisou um pedido do MP-RJ (Ministério Público do Rio de Janeiro) contra decisão que retirou da 1ª Instância a investigação contra o senador. Para o senador, a 2ª Instância do Judiciário é que deve processar e julgar seu caso.

Em nota, a advogada do senador, Luciana Pires, disse que o caso “está enterrado”. 

“O Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro entendeu por rejeitar a denúncia envolvendo o Senador Flávio Bolsonaro. O STJ já havia anulado todas as provas. A defesa entende que o caso está enterrado e caso haja qualquer desdobramentos serão tomadas as medidas judiciais cabíveis”, declarou.

Flávio foi denunciado em novembro de 2020 pelos crimes de organização criminosa, lavagem de dinheiro, apropriação indébita e peculato (uso de dinheiro público para fins pessoais).

A investigação mira repasses de salários de servidores do antigo gabinete de Flávio na Alerj (Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro) ao ex-assessor Fabrício Queiroz, prática popularmente conhecida como “rachadinha”.

Segundo a denúncia, Flávio seria o líder de uma organização criminosa que desviou R$ 6 milhões dos cofres da Alerj (Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro) por meio da contratação de funcionários que repartiam parcial ou integralmente os seus salários com o ex-assessor Fabrício Queiroz, apontado como operador financeiro do esquema.

A investigação do MP-RJ foi aberta em 2018 após relatório do Coaf (Conselho de Controle de Atividades Financeiras) identificar movimentações atípicas de R$ 1,2 milhões nas contas bancárias do ex-assessor parlamentar Fabrício Queiroz, que trabalhava para Flávio na Alerj.

Poder 360

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esporte

FUTEBOL: Michelle Ramalho registra chapa para concorrer reeleição na Presidência da FPF

Foto: Divulgação

Michelle ramalho registrou, na tarde desta segunda-feira (16), a chapa que vai disputar a reeleição para presidente da Federação Paraibana de Futebol (FPF).

Em entrevista ao programa Hora H, apresentado pelos jornalistas Heron Cid e Wallison Bezerra, na Rede Mais Rádio, Michelle Ramalho agradeceu o apoio que tem recebido dos clubes para que ela tenha mais um mandato a frente da instituição.

“O sentimento é de gratidão a todos os clubes. Sei da minha responsabilidade perante os clubes tendo em vista essa confiança depositada em mim e em toda gestão. Eu estou muito feliz e grata”, afirmou.

MaisPB

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Política

ELEIÇÕES 2022: Doria levará o PSDB a uma grande derrota, diz Aécio

Foto: Reprodução/ Rede Sociais

O deputado federal Aécio Neves (PSDB-MG) declarou, nesta segunda-feira (16), em entrevista à CNN, que o pré-candidato à Presidência da República João Doria, se for até o fim, levará o partido a uma grande derrota.

“Eu acho que Doria será um candidato que levará, se for até o final, o PSDB a uma grande derrota. Mas ele venceu as prévias, contra o nosso, contra todas as nossas manifestações”, afirma Aécio, que apoiou o ex-governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite.

Na opinião do parlamentar, seria “mais legitimo, é aqueles que bancaram a candidatura de Doria, deram a ela instrumentos para vencerem as prévias, e me refiro ao presidente [do PSDB] Bruno Araújo, ao governador Rodrigo Garcia, seria muito mais correto que eles se sentassem de frente com o candidato, junto com outros governadores, outros parlamentares” e dissessem: “sua candidatura trará esses e esses prejuízos ao país, com as nossas candidaturas, ao governo de São Paulo, em especial.”

Aécio não concorda com a contratação de uma pesquisa para definir a candidatura única da terceira via junto ao MDB e o Cidadania, e considera que a alternativa colocará “o PSDB no colo de uma outra candidatura que se sequer nós sabemos se será candidatura, que é da senadora Simone [Tebet, pré-candidata pelo MDB], a quem eu respeito profundamente.”

Com informações CNN

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Polícia

Mulher sai de casa para comprar pão e é baleada durante assalto em JP

Foto: PMPB/Divulgação

Na manhã desta segunda-feira (16), uma mulher foi baleada ao sair de casa para comprar pão, no bairro de Cruz das Armas, em João Pessoa.

De acordo com as informações a vítima foi alvo de uma dupla, em uma motocicleta, que anunciaram o assalto à padaria onde ele estava.

Durante a ação criminosa os homens atiraram e atingiram a mulher no ombro. Ela foi socorrida à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do bairro, seu estado de saúde não foi divulgado.

Os suspeitos fugiram após o crime.

PB Agora

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Paraíba

Trabalhadores de provedoras de internet protestam em frente à CMJP

Foto: Reprodução

Motoristas trabalham com empresas provedoras de internet interditaram o trecho da Avenida Trincheiras, em frente à Câmara Municipal de João Pessoa, no fim da manhã desta segunda-feira (16).

Os manifestantes colocaram os carros na via, impedindo a circulação de trânsito no local. O protesto pode ter relação com a CPI da Banda Larga, instaurada na Casa Legislativa. Foram constatadas violações dos direitos do consumidor por parte das empresas prestadoras do serviço, a exemplo de velocidade abaixo do que estava previsto no contrato

Agentes da Superintendência de Mobilidade Urbana de João Pessoa (Semob-JP) estiveram no local para orientar o tráfego.

Com informações de Mais PB

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Paraíba

Emerson Panta pede ao STF que rejeite recurso contra privatização de água em Santa Rita

Divulgação/Prefeitura de Santa Rita

A Prefeitura de Santa Rita, na Região Metropolitana de João Pessoa, apresentou uma petição na manhã desta segunda-feira (16) ao Supremo Tribunal Federal (STF) pedindo que o ministro Luiz Fux, presidente da Corte, rejeite o recurso impetrado pelo Governo do Estado contra a privatização da água no município.

Na semana passada, o Governo da Paraíba ingressou com um pedido de liminar no STF contra a decisão do Tribunal de Justiça da Paraíba que deu vitória à Prefeitura de Santa Rita e permitiu a privatização do abastecimento de água na cidade.

Desde às 18h da última quarta-feira (11), a Companhia de Água e Esgoto da Paraíba (Cagepa) não é mais responsável pelo gerenciamento dos serviços no município. A empresa Consórcio Águas do Nordeste é quem foi designada pela gestão santarritense para liderar o fornecimento de água e tratamento do esgoto.

No recurso inicial, a Procuradoria-Geral do Estado argumenta que a manutenção da decisão proferida pelo judiciário paraibano “acarreta graves danos à economia pública e à saúde, pois, na prática, inviabiliza a realização da licitação para concessão do serviço de saneamento básico para toda a região do Litoral do Estado da Paraíba”.

Outra questão levantada pela Cagepa é a eficácia futura do fornecimento. Segundo a PGE, o riacho Tibirizinho, que abastece Santa Rita, “está sofrendo uma grande redução de volume”, por isso, já está em curso o estudo do abastecimento da cidade pelo Sistema Gramame, que atende a Região Metropolitana de João Pessoa, lembrando a ampliação com a Translitorânea 2ª etapa, já projetada e em obras, com valores superiores a R$ 150 milhões.

Já a prefeitura de Santa Rita garantiu que o abastecimento feito através do Rio Tibiri e de três poços Santa Rita 2 “não afetará qualquer outro município, reservando-se tão somente àquele atendido pelo sistema isolado, qual seja, o Município de Santa Rita/PB”.

“Não caberia, assim, aos integrantes da Região Metropolitana de João Pessoa decidir qualquer questão acerca dos interesses unicamente da população de Santa Rita, principalmente quando somente ela está sendo prejudicada pela má prestação de serviços da atual concessionária, que é a CAGEPA”, destaca.

No pedido, a administração municipal suplica que o STF indefira o recurso do Estado “ante a inexistência dos requisitos legais para o seu processamento e no mérito já foi amplamente demonstrado em todas as instâncias o direito do Município de Santa Rita/PB em reaver os bens oriundos do fim da Concessão Pública com a CAGEPA, estando, inclusive, a nova concessionária vencedora do certame, operando o sistema isolado desde a noite do dia 11/05/2022, após a CAGEPA ter entregado ao Município de Santa Rita/PB o sistema de abastecimento de água e tratamento de esgoto”.

Wallison Bezerra – MaisPB

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Paraíba

VÍDEO: Comerciante compra bolo e “comemora” aniversário de um ano de buraco em JP

Enquanto o prefeito de João Pessoa, Cícero Lucena, faz solenidades pelos bairros para anunciar calçamentos de ruas, as principais avenidas da capital paraibana seguem cheia de buracos.

Um deles, localizado na rua Diogo Velho, no centro, está fazendo um ano nesta segunda-feira (16). Pela avenida passam muitos ônibus para diversos bairros da capital.

Em protesto, um morador parou o trânsito e “comemorou” a data. Veja:

https://youtu.be/Q7hvryBTvZ8

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.