Paraíba

Vai faltar água: Cagepa suspende abastecimento em 9 pontos da Grande João Pessoa

Foto: EBC

A Companhia de Água e Esgotos da Paraíba (Cagepa) vai suspender, nesta terça-feira (6), o abastecimento de água, em duas regiões da Grande João Pessoa: das 7h30 às 20h, nos bairros Intermares, Areia Dourada, Praia de Jacaré e Centro, em Cabedelo, e das 7h30 às 18h, nos bairros Bancários, Jardim Cidade Universitária, Anatólia, Jardim São Paulo e Timbó, em João Pessoa.

De acordo com informações da diretoria de Operação e Manutenção da Cagepa, a interrupção será necessária para que equipes da companhia realizem a interligação de um trecho da rede de distribuição, no bairro dos Bancários. Já no caso de Cabedelo, será realizado um serviço de limpeza e desinfecção nos reservatórios R-26, R-30 e R-31, que atendem a região.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Paraíba

REPERCUSSÃO: MPT notifica PB saúde e solicita averiguação de remunerações oferecidas em concurso

Foto: reprodução Portal WSCOM

Após Fundação PB Saúde publicar edital do concurso neste sábado (3), categorias da saúde fizeram inúmeras críticas sobre o edital e cobram valorização e salários justos para profissionais.

O Secretário estadual de Saúde, Geraldo Medeiros, afirmou, na noite desta segunda-feira (5), que o governo deverá responder ao Ministério Público do Trabalho na Paraíba (MPT-PB) que pede esclarecimentos sobre o piso salarial estabelecidos em edital de concurso para contratação de profissionais para a Fundação PB Saúde.

O procurador Eduardo Varandas intimou os sindicatos das categorias profissionais abrangidas no concurso a informarem ao MPT o piso salarial pago aos mesmos profissionais nos demais estados da Região Nordeste. “O MPT recebeu denúncias acerca das remunerações ofertadas no concurso no sentido de que estão bem abaixo da média praticada em outros Estados do Nordeste”, afirmou Varandas.

MPT-PB concedeu um prazo de 48 horas, a partir da intimação via Whatsapp, para o superintendente da Fundação PB Saúde, Daniel Beltrammi, se pronunciar. Uma audiência presencial será realizada na próxima quinta-feira (08), às 10 h, na Sede do MPT-PB, em João Pessoa para discutir o assunto.

Blog do BG com MaisPB

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Covid-19

João Pessoa vacina grávidas e puérperas sem comorbidades e aplica segunda dose nesta terça

Foto: Dayse Euzébio/Secom-JP

João Pessoa vacina nesta terça-feira (6), grávidas e puérperas (que deu à luz há 45 dias) sem comorbidades e também aplica a segunda dose dos imunizantes AstraZeneca/Fiocruz e Coronavac/Butantan.

As grávidas e puérperas são imunizadas exclusivamente na Policlínica Municipal das Praias, das 8h às 12h.

A aplicação da segunda dose acontece no FIEP – ao lado do Pavilhão do Chá (Trincheiras) e na Escola Municipal Olívio Ribeiro Campos (Bancários), além do drive-thru montado no Mangabeira Shopping (também pedestres), das 8h às 12h.

Para a dose de reforço da Coronavac (Butantan), moradores são atendidos no Lyceu Paraibano, no mesmo horário.

Locais de vacinação nesta terça-feira (6):

Grávida e puérperas (das 8h às 12h)

Policlínica das Praias

Astrazeneca/Fiocruz (8h às 12h)

Para quem completou 90 dias da 1ª dose:

FIEP – ao lado do Pavilhão do Chá (Trincheiras)
Escola Municipal Olívio Ribeiro Campos (Bancários)
Mangabeira Shopping – Drive Thru (também pedestres)

Coronavac/Butantan (8h às 12h)

Para quem completou 28 dias da 1ª dose:

Lyceu Paraibano (Centro)

G1 Paraíba

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Paraíba

DESTAQUE NACIONAL: Secretário do MS que primeiro se reuniu com representantes da Precisa foi indicado por Wellington Roberto

Foto: Zeca Ribeiro / Câmara dos Deputados

Em matéria recente do Jornal O Estadão deste domingo (4), o paraibano Wellington Roberto, presidente do PL da Paraíba, foi citado no Caso Covaxin, que levou o presidente Jair Bolsonaro a ser alvo de um inquérito no Supremo Tribunal Federal por suspeita de prevaricação.

A publicação faz memória a indicação de Wellington Roberto, que é líder do PL na Câmara dos Deputados e um dos principais representantes do Centrão, para que Arnaldo Correia de Medeiros fosse secretário de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde.

A nomeação ocorreu em junho passado, quando o general comandava interinamente o ministério e Bolsonaro consolidava seu casamento com o Centrão. O secretário substituiu Wanderson Oliveira, servidor federal e especialista em epidemias.

Medeiros participou da primeira reunião no ministério, em novembro, com representantes da Precisa – empresa que faz a intermediação da Covaxin, produzida pelo laboratório indiano Bharat Biotech. A Precisa pertence a Francisco Maximiano, um empresário que é réu com Ricardo Barros em um processo de 2018 referente à compra de medicamentos quando o atual líder do governo foi ministro. Foi Dias, o diretor ligado ao Centrão, quem deu a ordem de empenho de R$ 1,6 bilhão para compra da Covaxin mesmo com inconsistências no processo.

Ao Estadão, Wellington Roberto afirmou que Arnaldo Medeiros é um quadro técnico com histórico de bons serviços públicos prestados. Marcelo Pires não atendeu às chamadas. Alex Marinho disse que não se manifestaria. Flávio nega ser próximo a Maximiano. O empresário, em manifestação à CPI, disse que a contratação seguiu todas as regras legais.

Blog do BG com Exame

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Brasil

PRORROGADO: Governo anuncia prorrogação do auxílio emergencial por mais três meses

Foto: Marcello Casal Jr./AgBR

O governo federal anunciou nesta segunda-feira (5) a prorrogação do auxílio emergencial por mais três meses. O benefício acabaria em julho e, com a prorrogação, também será pago em agosto, setembro e outubro.

Segundo a Secretaria-Geral da Presidência, o decreto de prorrogação já foi assinado pelo presidente Jair Bolsonaro e será publicado nesta terça (6).

O Ministério da Cidadania informou que serão mantidos os valores pagos atualmente:

pessoas que moram sozinhas: R$ 150 por mês;
mulheres chefes de família: R$ 375 por mês;
demais beneficiários: R$ 250 por mês.
O calendário completo de pagamento ainda precisa ser divulgado pela Caixa Econômica Federal, responsável por fazer os depósitos.

Os pagamentos são feitos por meio de conta poupança digital da Caixa, que pode ser movimentada pelo aplicativo Caixa TEM. Os beneficiários do Bolsa Família recebem pelo cartão do programa.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Paraíba

TJPB pune juíza que deixou homem em hospital psiquiátrico, mesmo com laudo contrário à internação

Foto: Ascom

A edição do Diário Eletrônico do Tribunal de Justiça da Paraíba (TJPB) traz, nesta segunda-feira, a publicação de pena de censura para a juíza Rita de Cássia Martins Andrade, do Juizado da Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher de João Pessoa. O Processo Administrativo Disciplinar foi julgado pelo Pleno do Tribunal. O acórdão teve como relator o desembargador Márcio Murilo da Cunha Ramos.

De acordo com a publicação, a juíza teria extrapolado o prazo de prisão preventiva e mantido um homem detido por quatro anos e doze dias.

“Na maior parte do tempo no Instituto de Psiquiatria Forense do Estado, muito embora o laudo psiquiátrico elaborado por dois médicos psiquiátricos do referido Instituto, e apresentado desde junho de 2016, tenha concluído que o réu não era portador de qualquer distúrbio mental ou anomalia psíquica, e que necessitava apenas de tratamento ambulatorial no Centro de Atendimento Psicossocial”, relata a publicação.

“A culpa, no caso concreto, é inegável e igualmente grave, porque refletiu na esfera dos direitos e garantias fundamentais do indivíduo, atingindo um dos maiores bens imateriais do ser humano, qual seja, a liberdade individual, sem que houvesse justificativa plausível para tanto”, diz o documento.

O advogado da Associação dos Magistrados da paraíba (AMPB), Eugênio Gonçalves da Nóbrega, que atuou no processo em defesa da magistrada, disse ao blog que a “defesa técnica vai analisar a decisão e adotará as medidas cabíveis”.

Jornal da Paraíba

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Paraíba

Petrobras anuncia aumento de combustivel e na Paraiba gasolina pode ter reajuste de até R$0,10 em refinarias

Paulo Whitaker/Reuters

Nesta segunda-feira (5) a Petrobras anunciou um novo aumento para os preços da gasolina, do diesel e do gás de cozinha (GLP) a partir de amanhã (6). Os reajustes acompanham a elevação nos patamares internacionais de preços de petróleo e derivados, segundo a estatal.

Até chegar aos consumidores finais, os preços cobrados nas refinarias da Petrobras na venda às distribuidoras são acrescidos de impostos, custos para a mistura obrigatória de biocombustível, margem de lucro de distribuidoras e revendedoras e outros custos.

Para a gasolina, o aumento médio nacional será de R$ 0,16 (6,3%), fazendo com que o litro do combustível saia de R$ 2,53 e chegue a R$ 2,69 nas refinarias da estatal. Já o diesel terá um reajuste médio de R$ 0,10 (3,7%) por litro, que passará custar R$ 2,81 nas refinarias da Petrobras.

Em entrevista para o Blog do BG, o presidente do Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo no Estado da Paraíba (Sindpetro), Omar Hadad, nos informou que os reflexos desses aumentos na Paraíba será de R$0,11 e R$0,08 no valor final da gasolina e do diesel, respectivamente nas refinarias.

A estatal anunciou ainda que o preço médio de venda do GLP para as distribuidoras passará a ser de R$ 3,60 por kg, refletindo um aumento médio de R$ 0,20 por kg.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Paraíba

Prefeito Cícero Lucena assina termo de cooperação com Crea-PB

Foto: reprodução

Na manhã desta segunda-feira (5), no Centro Administrativo Municipal (CAM), em Água Fria, o prefeito Cícero Lucena se reuniu, com o presidente do Conselho Regional de Engenharia e Arquitetura (Crea-PB), Antônio Carlos de Aragão.

O encontro, que contou também com a participação do secretário municipal do Planejamento, José William Montenegro, foi oportunidade para a assinatura de um termo de cooperação entre a Prefeitura de João Pessoa e o Conselho.

O documento assinado é amplo e prevê um apoio mútuo em benefício da população. Entre as ações previstas estão a troca de dados e informações. “O Crea deixa seu banco de dados à disposição da gestão municipal para fiscalização ou outros serviços, enquanto a Prefeitura abre seus dados de alvarás. Outro viés é a capacitação profissional por meio de cursos”, explicou Aragão.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Paraíba

Requalificação: Obras da Avenida Hilton Souto Maior devem ser entregues essa semana na capital

Foto: reprodução instagram

Os ajustes finais para entrega das obras de requalificação da Avenida Hilton Souto Maior, que faz a ligação entre os bairros do José Américo e Água Fria, estão previsto para serem finalizados e entregues essa sexta-feira (9 à população).

Nesta segunda-feira (05), equipes de técnicos e especialistas, realizam testes para início do funcionamento do novo cruzamento semaforizado.

O projeto iniciado durante o mês de maio, deste ano, faz parte de uma série de intervenções para dar mais mobilidade e fluidez no trânsito na Avenida Hilton Souto Maior. O projeto foi dividido em três etapas e contempla a ampliação de um girador, o ajuste nos dispositivos de retorno e a implantação de um cruzamento semaforizado. A obra será realizada pela iniciativa privada e tem um investimento no valor de R$500 mil. A conclusão do serviço está prevista para 60 dias.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Educação

VOLTA ÀS AULAS: retorno das aulas presenciais na Paraíba está previsto para o mês de setembro

Foto: reprodução

Está previsto para o mês de setembro, deste ano, o retorno das aulas presenciais na Paraíba. Em declarações recentes o secretário de Estado da Educação, Cláudio Furtado, informou que inicialmente será adotado o modelo híbrido, com 70% dos alunos assistindo aulas on-line e 30% nas salas de aula.

Segundo Furtado, serão cumpridas todas as regras fixadas no Plano Educação para Todos. O secretário lembrou ainda que até lá os estudantes ainda não estarão vacinados e por este motivo será implantado um esquema de rodízios, com as turmas sendo divididas em dois grupos e aulas presenciais em 4 dias na semana.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.